terça-feira, 29 de maio de 2012

SONHOS MEUS #1

Voltei a sonhar contigo. Não sei como nem porquê, mas tenho uma grande tendência para sonhar contigo. Sempre que entras nos meus sonhos digo-te, mas omito-te o sonho, era demasiado estranho se te o contasse, principalmente por seres quem és e por gostar tanto de ti. Os sonhos que tenho contigo são sempre muito estranhos talvez por serem sempre dentro do mesmo género, sempre a mesma razão, sempre o mesmo sentimento e, o facto de seres tu, ainda se torna mais estranho. Bem, como sei que não vais ler isto, vou resumir o meu sonho* Para variar, andávamos... :D Como é que é possível? Nos meus sonhos tornas-te sempre mais do que um amigo, João... O teu querido irmão andava com a Sara (o que torna o sonho ainda mais estranho) aparecem mais pessoas, mas não as vou mencionar. Momentaneamente vocês desaparecem e transformam-se noutras pessoas, apesar de também as conhecer, e o sonho toma proporções totalmente diferentes, tudo muda como do dia para a noite. Contigo era tudo muito pacífico, muito amável, eras uma pessoa que eu não (re)conhecia, estavas mesmo muito diferente (e diferente para melhor^^) e, assim que desapareces tudo se inverte. (Não gosto de alterações drásticas nos meus sonhos... :s)

E, uma coisa que já constatei e que acho de facto muito interessante* Sempre que passamos mais tempo juntos e fazemos coisas diferentes, sonho contigo... Afinal, que se passa comigo?!

Eis a(s) minha(s) questão(ões): "Quão relacionado estão os sonhos e a realidade?";
"Será que o que sonhamos se torna realidade (ainda que poucas vezes)?";
OU
"Será que os nossos sonhos se relacionam, de certo modo, com o que vivemos no dia-a-dia ou até mesmo com aquilo que gostávamos de viver?"

domingo, 27 de maio de 2012

sábado, 26 de maio de 2012

As dores de cabeça que me dás...

Estou farta. Parece que este trabalho não tem fim visível. Há temas que são mesmo difíceis de desenvolver e principalmente de terminar. Por agora só preciso de paciência e rapidamente o acabarei, assim espero.

*:S*

Custa-me imenso olhar pela janela e ver que já não estás connosco. Estou constantemente a olhar para o sítio onde sempre estavas. Ainda não me habituei à ideia de que te perdi.
Quando os sentimentos falam mais alto a dor é infindável... :s


segunda-feira, 21 de maio de 2012

Não gosto de te ver sofrer

Depois de mais de dois meses sem ela, ela lá chegou outra vez, infelizmente. A dor apoderou-se de mim. Quanto a ti apoderou-se a doença. Não esperava que ficasse tudo resolvido e que não voltasse a atacar-te, isso não, apenas não esperava que voltasse tão rápido e com tanta intensidade... Não suporto ver-te assim. Não suporto ver-te do meu quarto estares a sofrer tanto. E, muito menos, não suporto a ideia quando penso que pode ser uma das últimas vezes que te veja. Não gosto de te ver sofrer como sofres. Mas que poderei eu fazer?

domingo, 20 de maio de 2012

*Que revolta*

Porque é que algumas pessoas que "não cantam puto" (usando uma das expressões do Manuel Moura dos Santos) são finalistas dos Ídolos e não deram outra oportunidade ao Bruno Vieira? Havia inclusive alguns participantes em que o júri tinha certas dúvidas em relação ao que iriam fazer futuramente mas, mesmo assim passaram. Fiquei mesmo revoltada com a expulsão do Bruno. O Mundo já não é o que era... Está virado do avesso!

A essência da matemática

     A vida é monótona. Por vezes torna-se constante. É uma linha recta, na qual, por vezes, nos intersectamos com outras vidas. É nesse cruzamento de linhas que conhecemos pessoas. Muitas vezes, elas permanecem durante longos períodos de tempo. Mas, outras vezes, é apenas uma intersecção momentânea. Uns minutos, umas horas, uns dias. Mais tarde há a separação. Aí separamo-nos de quem nos acompanha. Afastamo-nos da nossa origem. Deixamos para trás os amigos de longa data. As pessoas mais importantes e até mesmo as mais banais. Somos como que funções cúbicas e funções quadráticas. Podemos até virmos dos mesmos sítios, pelos mesmos motivos sermos grandes amigos mas, mais tarde ou mais cedo, cada um segue o seu caminho, tornando-se cada vez mais afastados. E noutros casos, noutras amizades é tudo ao invés. Por vezes tornamo-nos funções constantes. Por mais que o tempo avance não há afastamento (isto é raro, mas acontece). E no meio de tudo isto uma coisa é certa. Acabamos todos sozinhos, quer por esta ou por aquela razão. Pois, por mais longo que seja o caminho, vamos sempre perdendo algo. E, quando um amigo parte, ele leva sempre alguma parte de nós.
      Essa linha racta à qual chamamos de vida é limitada e, por vezes, também infinita. Apesar de não sabermos nem termos noção de quando o fim vai chegar esse fim está estabelecido.
     

     Agora entendo a minha stôra de matemática e quando ela diz que “A vida é como a matemática e nunca nos separamos dela”.

quarta-feira, 16 de maio de 2012

terça-feira, 15 de maio de 2012

Aqui vamos nós*

Juízo final aqui vamos nós!!
Se a fase anterior foi difícil a que se segue é ainda pior. Mas estou contigo. Apoio-te, mesmo sem saberes, e já és o meu Ídolo.
Nesta fase tens de mostrar tudo o que vales. Não podem haver deslizes. Um passo mal dado é suficiente para caires.
Força, Bruno Vieira!!*

domingo, 13 de maio de 2012

Selo 1#


O nome do selo é Liebster Award e tem as seguintes regras:

Escolher 5 blogues recentes, com menos de 200 seguidores para passar este selo. Mostrar o agradecimento a quem nos atribuiu o selo, fazendo um link para o seu blog. Colocar o selo no blog, listar os bloggers a quem se atribuiu o selo com os seus links e deixar um comentário nos seus blogs para que tenham conhecimento do selo. Partilhar cinco factos aleatórios sobre nós que ainda não se saibam.


Este selo foi-me atribuído pela menina Fifi, e por uma grande amiga, a Rafaela!


5 factos aleatórios

* Adoro ler livros

* Quero tocar numa tuna **

* Passo grande parte do dia a ouvir música e adorava ver um concerto dos Nickelback

* Detesto rétpeis :s

* Adorava conhecer os países hispano-americanos *.*



5 blog's a que passo este selo

* Desabafos e Encantos

* Olhá Mau Feitio

* Liliana Costa

* MC- Maria Capaz

* Teardrop

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Ele é que tem razão

"Tu és mais forte e sei que no fim vais vencer
Sim, acredita num novo amanhecer
Não tenhas medo, sai à rua e abraça alguém
E vai correr bem, tu vais ver"

Boss AC - Tu és mais forte

Português traiçoeiro

"Tenho um amigo que não tem um braço, tem apenas dois..."

Quando as pessoas trocam a ordem das palavras acontecem coisas deste género...

quarta-feira, 9 de maio de 2012

*Mistérios da Vida*

"Quando acertamos ninguém se lembra, quando erramos ninguém se esquece!"

Porque é que será sempre assim?!?...

terça-feira, 8 de maio de 2012

Será?!

Será que os tormentos que temos na infância nos perseguem pelo resto da nossa vida?!....




segunda-feira, 7 de maio de 2012

*.*

Aqui está o prometido, Rafaela!
Isto sim é o Bruninho a cantar! Estava a ver que não voltava a mostrar o que vales*
http://www.youtube.com/watch?v=G_aaOEdA0pY
(Desculpa a qualidade do som...)




P. S - Se voltas a ligar ao S. Pedro, juro que, és uma pessoa morta!!...

terça-feira, 1 de maio de 2012

Que início de mês tão feliz


Neste primeiro de Maio, não era de se esperar mas, o som que mais se ouviu cá por casa foram narizes entupidos a quererem/tentarem respirar. E, para não contrariar o resto da família, também eu andei assim... :s
Como é que é possível, numa altura destas, as pessoas andarem
neste estado?!.. :o

Obrigada por tudo meus adorados amigos (lenços), foram sem dúvida espetaculares, sei que com vocês posso contar, pelo menos para este tipo de coisas. :D

Simplesmente SORRI!!

Porque é que as pessoas entram na tua vida?
As pessoas entram na tua vida por uma "Razão", uma "Estação" ou uma "Vida Inteira". Quando te apercebes qual delas é, vais saber o que fazer por cada pessoa.

Quando alguém está na tua vida por uma "Razão"... é, geralmente, para suprir uma necessidade que demonstras-te. Elas vêm para te auxiliar numa dificuldade, fornecer-te orientação e apoio, ajudar-te física, emocional ou espiritualmente. Elas poderão parecer como uma dádiva de Deus, e são! Elas estão lá pela razão que precisas para que estejam lá. Então, sem nenhuma atitude errada da tua parte, ou numa hora inconveniente, essa pessoa vai dizer ou fazer alguma coisa para acabar essa relação. Às vezes, essas pessoas morrem. Às vezes, elas simplesmente vão. Às vezes, elas agem e forçam-te a tomares uma posição. O que devemos entender é que as nossas necessidades foram atendidas, os nossos desejos cumpridos e o trabalho delas, feito. E agora é tempo de ir.

Quando as pessoas entram nas nossas vidas por uma "Estação", é porque chegou a tua vez de te dividir, crescer e aprender. Elas trazem para ti a experiência da paz, ou fazem-te rir. Elas poderão ensinar-te algo que nunca fizeste. Elas, geralmente, dão-te uma quantidade enorme de prazer... Acredita! É real! Mas apenas por uma "Estação".
Relacionamentos de uma "Vida Inteira" ensinam-te lições para a tua vida inteira: o que deves construir para teres uma formação emocional sólida. A tua tarefa é aceitar a lição, amar a pessoa, e colocar o que aprendes-te em uso em todos os campos da tua vida. Diz-se que o amor é cego, mas a amizade é clara e evidente. Obrigado por seres parte da minha vida.


Pára aqui e simplesmente SORRI.

"Trabalha como se não precisasses do dinheiro,
Ama como se nunca tivesses sido magoado,
e dança como se ninguém te estivesse a observar."

"O maior risco da vida é não fazer NADA."